Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas

Por:Informa Contabil
Artigos | Contabilidade em bh

11

dez 2018

Uma das principais novidades da legislação tributária para o ano de 2018, a Declaração de Créditos e Débitos Tributários Federais Previdenciários e de Outras Entidades e Fundos (DCTFWeb) é a nova obrigação regulamentada pela Instrução Normativa RFB nº 1.787/2018. Neste artigo vamos apresentar aspectos importantes e necessários para a compreensão pelas pequenas empresas dessa mais recente obrigação imposta pelo Fisco. Confira!

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – O que é DCTFWeb?

 A DCTFWeb é uma obrigação por meio da qual o contribuinte confessa seus débitos previdenciários e destinados a terceiros.

Ela será utilizada para fazer a apuração das contribuições previdenciárias – INSS – e para outras entidades e fundos (terceiros).

A DCTFWeb mudará a forma como as contribuições previdenciárias são recolhidas. Antes dela, as empresas e entidades públicas de uma forma geral, recolhiam o INSS utilizando a GPS (Guia da Previdência Social). A partir da implantação da DCTFWeb, essas contribuições passaram a ser recolhidas através de DARF com código de  barras gerado a partir do novo sistema.

A DCTFWeb não será utilizada para declarar os valores de Imposto de Renda e das contribuições sociais retidas na fonte. Eles continuarão sendo recolhidos através de DARF comum, sem códigos de barra e serão informadas normalmente na DCTF convencional. Serão declarados somente os valores relativos à retenção de INSS, assim como a cota patronall que incide sobre a contratação da pessoa física.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – eSocial/EFD-Reinf/DCTFWeb

 A DCTFWeb será alimentada pelos eventos periódicos (folha de pagamento, etc.) enviados pelos contribuintes através dos módulos do Sistema Público de Escrituração Digital EFD-Reinf e eSocial. Os três estão interligados.

 Após o encerramento da apuração, oriunda desses dois sistemas, é que será possível gerar a DCTFWeb.

Para se adaptar à nova obrigatoriedade, as empresas deverão avaliar as informações solicitadas pela EFD-Reinf e pelo eSocial, de modo a verificar quais estão relacionadas ao seu negócio e como serão tratadas internamente, pois qualquer equívoco trará problemas posteriores.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – Quem está obrigado?

 A DCTFWeb se torna exigível a partir do segundo mês subsequente ao do início da transmissão dos eventos periódicos do eSocial e da EFD-Reinf. Quem passou a transmitir essas duas obrigações mensalmente, a partir de maio de 2018, ficou obrigado a encaminhar a DCTFWeb a partir de julho deste ano. Porém esse prazo foi estendido por mais um mês (agosto).

Esse primeiro grupo é composto por empresas que têm caráter empresarial e faturaram mais de 78 milhões de Reais no ano de 2016.

Os órgãos autarquias e fundações de direito público começam a transmitir os eventos periódicos do eSocial e EFD-Reinf a partir de maio de 2019. Portanto, passam a ser obrigados a transmitir a DCTFWeb dois meses após esse período, ou seja, a partir de julho de 2019.

As demais pessoas jurídicas que não se enquadram no perfil desses grupos tornam-se obrigadas a enviarem os eventos periódicos do eSocial e da EFD-Reinf, a partir de novembro deste ano. Razão pela qual a DCTFWeb passa a ser obrigatória a partir de janeiro de 2019.

Todas as empresas devem transmitir essa obrigação até o dia 15 do mês subsequente ao da competência.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – Prazo para entrega da DCTFWeb

Deverão ser observados os seguintes prazos para a transmissão dessa obrigação:

  • Mensal – até o dia 15 do mês seguinte ao da ocorrência do fato gerador das contribuições (folha de pagamento, nota fiscal  de prestação de serviços sujeitos à retenção previdenciária e comercialização da produção, etc.);
  • Anual – até o dia 20 do mês de dezembro para as informações relativas ao 13º salário;
  • Diário – até o 2° dia útil do mês após a realização do evento desportivo pela entidade promotora do espetáculo.

Declaração “sem movimento” – Ausência de fato gerador

O contribuinte que não tiver nada para declarar, deverá apresentar a DCTFWeb “sem movimento” no primeiro mês em que a situação ocorrer. Caso o contribuinte permaneça nessa condição, a declaração deverá ser apresentada anualmente sempre no mês de janeiro.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – Multas

 Caso o contribuinte deixe de apresentar a DCTFWeb ou apresente-a com erros ou omissões, ficará sujeito às seguinte multas:

  • Atraso – multa correspondente a 2% ao mês ou fração, incidente sobre os valores das contribuições informadas (mesmo que tenha sido pago o valor total), não podendo ultrapassar 20%;
  • Incorreções ou omissões – multa no valor de R$ 20,00 para cada grupo de 10 informações incorretas ou omitidas.

O valor da multa mínima aplicada ao contribuinte que não apresentar a declaração de ausência de fato gerador “sem movimento” é de R$ 200,00. Para as demais situações, a multa mínima será de R$ 500,00.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – Benefícios

 Além de oferecer praticidade e agilidade ao processo, a DCTFWeb também permitirá que o contribuinte tenha controle da manutenção dos créditos que possam ser gerados para ele, podendo descontá-los das guias que desejar. Outra vantagem diz respeito ao pagamento parcial de débitos.

  • Redução do tempo em que as informações serão recebidas e analisadas pelo Fisco. Com isso, a Receita Federal conseguirá analisar esses dados em menor tempo, facilitando, portanto, eventuais fiscalizações.
  • A DCTFWeb traz segurança tanto para o governo quanto para o contribuinte, pois essas informações são cruzadas através do eSocial e da EFD-Reinf, não sendo passíveis de erros.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – Acessando o sistema DCTFWeb

 Quando você acessar o sistema, a DCTFWeb não precisará ser preenchida. Ela aparecerá no portal da Receita Federal, e-Cac, já com as informações relacionadas às contribuições previdenciárias a serem declaradas, cujos valores têm origem no eSocial e na EFD-Reinf.

Após a transmissão da DCTFWeb, o contribuinte poderá selecionar quais contribuições ele irá pagar, selecionando uma ou mais opções.

 A declaração deverá ser única por empresa, entregue pela matriz e assinada digitalmente.

O Microempreendedor Individual (MEI), a Microempresa (ME) ou a Empresa de Pequeno Porte (EPP) optantes pelo Simples Nacional que tenham até um empregado, poderão acessar o aplicativo DCTFWeb utilizando o código de acesso gerado no portal da RFB.

Contabilidade BH – DCTFWeb para pequenas empresas – Conclusão

 A DCTFWeb chega para agilizar processos e aumentar a fiscalização. Isso exigirá das empresas maior organização administrativa. Portanto, há a necessidade de uma participação interna mais ativa do empresário com a sua empresa. O controle por parte do fisco está aumentando e, consequentemente, as multas também. Como a DCTFWeb é automática, qualquer informação equivocada implica no recolhimento errado dos impostos. E se houver qualquer divergência de informações, dificilmente você não será pego pela Receita.

É importante que haja uma parceria, um planejamento entre você e a assessoria contábil da sua empresa. Desse modo, você ficará mais seguro porque saberá que as informações estarão corretas, assim como suas guias.

Contrate uma contabilidade BH de confiança. Entre em  contato com a Informa Contábil. Solicite agora mesmo orçamento, retornamos rápido.

Assuntos Relacionados: Contabilidade em Bh auxilia na implantacao do e-socialDicas de Contabilidade em bh para as mudanças no IRPJ das empresasContabilidade em bh alerta sobre as alterações nas retenções federaisContabilidade em bh orienta na administração do tempoContabilidade em BH orienta Programa 5SContabilidade em BH e a Administração de PessoalEscrituração Contábil de Contabilidade em BH – ProcedimentosContabilidade em bh esclarece o Carnê-leãoContabilidade em bh ajuda a organizar finanças da empresaAdministradora de Condomínios em BH é nota 10Melhor contabilidade de bhContabilidade no prado bh é a Informa ContábilFazer IRPF com contador em bhContador BH explica IRPFContador Luxemburgo BH faz IRPFContador Lourdes BH faz IRPFContador Sagrada Família BH faz IRPFContabilidade bh alerta sobre fraudes cnpjContabilidade em bh – transformação digitalContabilidade em bh – digitalização de documentosContabilidade em bh – saia da criseContabilidade Igarape MGContador Igarape explica IRPFContabilidade Igarape faz diferençaContador Igarape faz IRPFContabilidade Condominios BH abre CNPJContabilidade Igarape – CNPJContabilidade Igarape com qualidadeContabilidade BH – Obrigacoes acessoriasContabilidade BH – Alteracao ContratualContabilidade Betim – Alteracao ContratualContabilidade Betim – Obrigacoes acessoriasContabilidade Contagem – Alteracao ContratualContabilidade Contagem – Obrigacoes acessoriasContabilidade Nova Lima – Alteracao ContratualContabilidade Nova Lima – Obrigacoes acessoriasContabilidade Lagoa Santa – Alteracao ContratualContabilidade Igarape – Obrigacoes acessoriasContabilidade Igarape – Alteracao ContratualContabilidade BH – Opcao Simples

Compartilhe:

Rua Brumadinho, 210 – Bairro Prado – Belo Horizonte – MG – Brasil

+55 (31) 3332.0544

contato@informacontabil.com.br

Segunda à Quinta: 08:00 – 18:00 Sexta Feira: 08:00 – 17:00